segunda-feira, dezembro 11

Mortifer Rage: Prato cheio para aqueles fãs que dispensam elementos modernos ou gravações polidas e gostam daquela fórmula básica de se fazer metal extremo.

0
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por Matheus Vieira

Há 18 anos na estrada, os mineiros da Mortifer Rage chegam ao seu terceiro registro com o status de batalhadores da cena underground brasileira. Apostando em um death metal técnico, ‘Fall Of Gods’ torna-se um prato cheio para aqueles fãs que dispensam elementos modernos ou gravações polidas e que gostam daquela fórmula básica de se fazer metal extremo.

Tudo aqui é simples, com a proposta bebendo (unicamente) na raíz do gênero, porém com espaço para linhas virtuosas de guitarra e um vocal feroz de Carlos ‘Pira’. O material gráfico, assinado por Marco Tulio Alves, também faz jus a proposta com uma mescla de tonalidades que remetem ao inferno.

Entre as canções, destaque para ‘Ethnocentrism’, ‘Religious Necrosis’ e ‘No Masters No Gods’. Porém, recomendo uma audição completa do disco. Em resumo: é fã de death metal e gosta de valorizar as bandas brasileiras? Eis aqui uma boa opção de compra.

Foto: divulgação

Nota: 7.5
Independente

Faixas:
1. Intro
2. Ethnocentrism
3. Religious Necrosis
4. The Hammer
5. Immolation
6. Tunisian Storm (Instrumental)
7. No Masters No Gods
8. Doctrines Of Death
9. Hate My Offer
10. Redemption Blade
11. Genocide Of Minds
12. Sword And Blood

Formação:
Carlos Pira (vocal)
Robert Aender (guitarra)
Ramom C (guitarra)
Warley (baixo)
Wesley Adrian (bateria)

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Compartilhe

Sobre o Autor

Pai do lindo Nicholas, Vieira é jornalista (com diploma - MTB 67923/SP) e acumula anos de experiência em redações de jornais e revistas. Colecionador de CD´s de rock e metal, também é apaixonado por cinema e arte de maneira geral. Foi diretor do extinto Portal Novo Metal e colaborador dos sites Whiplash e Portal do Inferno. Escreveu matérias para a Roadie Crew e Valhalla. Na rádio Uniara FM 100.1, foi um dos fundadores do programa Black Dog, há 5 anos. Agora, as ondas do rádio ganharam novos contornos. E foram para a internet. Ao seu lado, o amigo Carlos Oliveira.

Comments are closed.